suprev Archive

Suprev envia cartas de convocação para 1ª etapa do Recadastramento

Nos próximos dias, aposentados e pensionistas receberão cartas de convocação para a 1ª Etapa do Recadastramento de 2014 da Previdência Estadual. Lembrando que a 1ª etapa acontece nos meses de janeiro e fevereiro e é a garantia de continuar recebendo o benefício.


>> Confira aqui o calendário de Recadastramento 2014.

Os aposentados e pensionistas devem comparecer ao recadastramento com os seguintes documentos originais: Carteira de Identidade; CPF; Comprovante de residência (preferencialmente conta de água, luz ou telefone).

É admitido o recadastramento por procuração nos casos de doença grave, impossibilidade de locomoção ou ausência de domicílio. Informações adicionais podem ser encontradas no Portal do Servidor e pelos telefones (71) 3116-5434/5437/5440 ou pelo e-mail suprev.atende@saeb.ba.gov.br. O recadastramento é a garantia do recebimento do benefício.

Com informações do Portal do Servidor

Confira o calendário 2013 do processo de recadastramento promovido pela Suprev

Já está definido o calendário 2013 do processo de recadastramento promovido pela Suprev  - Superintendência de Previdência, vinculada à Secretaria da Administração. No primeiro grupo, com prazo de 2 de janeiro a 28 de fevereiro, serão convocados os servidores inativos de 46 órgãos.

São eles: Casa Militar, Saeb, Seagri ,Casa Civil, SJCDH, SICM, Setre, Secult, Fundac, Uefs, Uesb, Uesc, Uneb, Agerba, Gabinete do governador, Setur, Vice-governadoria, Sedur, Sema, Sudesb, Inga, PGE, Sefaz, SSP, Seplan, Seinfra, Sedes, CIS, SEI, IMA, Derba, Funceb, FPC, Instituto Mauá, Detran, Irdeb, Ibametro, Ipac, Sudic, Sucab, Juceb, Secti, Secom, Seap, Inema e Adab.

Confira o calendário completo aqui.

Em março será a vez dos aposentados da Saúde. Os da Educação terão os meses de abril, maio e junho. E os da Polícia Militar, julho e agosto.
Os pensionistas também devem se recadastrar. De acordo com o artigo 11, inciso III do Decreto 10.398/2007, eles devem comparecer a um posto de atendimento previdenciário para realizar a atualização cadastral anualmente, sempre no mês de aniversário do ex-servidor instituidor da pensão.
Vale lembrar que o recadastramento é a garantia do recebimento do benefício. O não comparecimento incorrerá em suspensão deste benefício, conforme Art. 85 da Lei 11.357/2009.
Onde e como se recadastrar
O recadastramento pode ser feito na sede da Suprev, em Brotas, nas unidades Ceprev em postos SAC, na capital e no interior, e nas unidades do Ponto Cidadão. São ao todo 43 pontos presenciais em todo o Estado.
Confira a lista de postos clicando aqui.
Os convocados devem comparecer munidos de RG, CPF e comprovante de residência (preferencialmente conta de água, luz ou telefone).
Quem reside fora da Bahia deve encaminhar à Suprev cópias autenticadas dos seguintes documentos: Atestado de vida (formulário disponível aqui), RG, CPF e comprovante de residência recente (contracheque não será aceito). O endereço para envio é o seguinte: Av. Dom João VI, n° 1.050, 2° piso, Brotascenter, Bairro Brotas, Salvador – Bahia, CEP: 40.290-900 (escrever na parte externa do envelope a palavra RECADASTRAMENTO).
Impossibilidade de locomoção
Em caso de impossibilidade de locomoção, doença grave, ou ausência do domicílio, o recadastramento pode ser feito mediante procuração por instrumento público (emitida no máximo seis meses antes da data atual) ou através de formulário disponibilizado pela Previdência, conforme modelo abaixo (também disponível nas unidades do Ceprev), além de atestado médico comprovando a impossibilidade do deslocamento.

Aqui, modelo de procuração.

Mais informações: (71) 3116-5434/5437/5440.

Com informações do Portal do Servidor

Governo inicia recadastramento de aposentados da Educação no interior

Desta quinta-feira (1º) até o dia 30 deste mês, será realizada a quarta etapa do recadastramento dos 10.737 servidores aposentados da Secretaria de Educação residentes em 139 municípios do interior do estado, próximos às Diretorias Regionais de Educação (Direc) de Alagoinhas, Feira de Santana, Jacobina, Juazeiro, Paulo Afonso, Piritiba, Ribeira do Pombal, Senhor do Bonfim, Santo Amaro e Serrinha. Estão convocados a se recadastrar os aposentados que residem na capital e têm nomes iniciados de ‘N’ a ‘Z’.

O recadastramento pode ser feito nas 24 unidades do Centro de Atendimento Previdenciário (Ceprev), localizadas nos SACs’s da capital e interior e sede da Superintendência de Previdência Estadual (Suprev) ou nas 13 unidades dos Pontos Cidadão, além dos postos itinerantes da Suprev, que estarão dos dias 12 a 23 de setembro percorrendo as Direc de Piritiba, Paulo Afonso, Ribeira do Pombal e Feira de Santana.

Para efetivar o recadastramento, os servidores devem estar munidos dos originais ou cópia autenticada da carteira de identidade, CPF, comprovante de endereço (emitido há até três meses) e último contracheque (que não pode ser utilizado como comprovante de residência). A lista com o cronograma do recadastramento, os endereços e os telefones das unidades do Ceprev e Ponto Cidadão estarão disponíveis no Portal do Servidor.

Procuração

Em caso de doença grave, impossibilidade de locomoção ou ausência do domicílio, o recadastramento poderá ser realizado via procuração por instrumento público, com data de emissão não superior a seis meses. Será necessário também para os casos de doença ou impossibilidade de locomoção, atestado ou relatório médico emitido há até três meses, devidamente carimbado e assinado pelo médico identificado pelo número do seu Cremeb. Nos casos de ausência do domicílio, deverá ser apresentado documento que comprove em que localidade se encontra ou reside o beneficiário.

Já os casos de falecimento deverão ser imediatamente comunicados pelos familiares do ex-servidor, mediante a apresentação da respectiva certidão de óbito em quaisquer das unidades Ceprev ou Ponto Cidadão, com vistas à regularização da situação cadastral perante a Previdência Estadual.

A Suprev é um órgão vinculado à Secretaria da Administração (Saeb), responsável pela gestão dos benefícios previdenciários e realiza o recadastramento anualmente para atualizar os dados dos servidores inativos, além de coibir fraudes e pagamentos irregulares.

Desde 2007, o Estado suspendeu 2.454 benefícios pagos de forma irregular, gerando uma economia de R$ 41,4 milhões aos cofres públicos. No total, 73 mil aposentados deverão ser recadastrados em todo o estado – 46,6 mil apenas da Secretaria da Educação. Destes, 33,7 mil foram recadastrados até segunda-feira (29).

 

Com informações da SECOM.