Polícia Militar Archive

Tropas federais reforçam a segurança pública na Bahia

Os 6 mil homens das Forças Armadas designados para reforçar a segurança pública na Bahia começaram a chegar a Salvador por volta do meio dia desta quarta-feira (16). A medida foi tomada pela presidente Dilma Rousseff, atendendo a uma solicitação do governador Jaques Wagner.

A presidente  assinou o decreto de Garantia da Lei e Ordem, autorizando o emprego das Forças Armadas na Bahia. Com isso, os militares estão autorizados a realizar patrulhas, vistorias e prisões em flagrante. O comandante da 6ª Região Militar, general Racine Bezerra Lima, assumiu o comando das operações e a Polícia do Exército (PE) já está patrulhando as ruas.

Polícia Militar recebe denúncias pelo celular

Durante o Carnaval, a Polícia Militar recebe críticas e sugestões pelo WhatsApp. Anote o número e participe!
whatsap

Estão abertas as inscrições para Colégio e Creche da Polícia Militar

Confira o edital

Confira o edital para as vagas no CPM

O edital para inscrições no processo seletivo do Colégio da Polícia Militar (CPM) e Creche da Polícia Militar, Nossa Senhora das graças, foi publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia do dia 28/12/2013. As inscrições serão realizadas pela Internet das 07 horas do dia 06/01/2014 até às 18 horas do dia 12/01/2014.

Inscrições para Creche

Inscrições para o Colégio

Polícia Militar terá mais 109 oficiais aptos a comandar tropas

A partir de agora, durante um ano, os aspirantes-a-oficial participam de estágio para o aprendizado do comando de tropas | Foto: Mateus Pereira/GOVBA

A partir de agora, durante um ano, os aspirantes-a-oficial participam de estágio para o aprendizado do comando de tropas | Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Mais 109 policiais militares se tornaram aspirantes-a-oficial, com a formatura no treinamento especializado em segurança pública. A solenidade, realizada na noite de quinta-feira (12), na Vila Policial Militar do Bonfim, nos Dendezeiros, contou com a presença do secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, e do comandante-geral da PM, coronel Alfredo Castro, dentre outras autoridades.

Os aspirantes-a-oficial trocaram o espadim de Tiradentes, símbolo dos alunos da academia, pela espada, que representa o oficialato e entregue pelos padrinhos dos formandos. Eles também prestaram o juramento à bandeira nacional. A capacitação teve duração de três anos e, a partir de agora, durante um ano, os aspirantes-a-oficial participam de estágio para o aprendizado do comando de tropas.

Antes desta turma, de 2007 até agora, já haviam sido formados 694 oficiais. Segundo o coronel Alfredo Castro, a carreira de oficial começa com a formatura e segue até o último posto da Polícia Militar, de coronel. “Eles têm três anos de formação, com disciplinas relativas à Polícia Militar, incluindo a capacitação de Polícia Cidadã, ficando habilitados para o desempenho da função”.

Mais qualificada
Para o secretário Maurício Barbosa, a segurança pública baiana está cada vez mais qualificada. “O oficial deve ter espírito de liderança, vontade de fazer sempre mais, coragem diante de todas as adversidades possíveis e precisa ser exemplo para as tropas que vai liderar. Desejo a todos boa sorte na carreira para atender à sociedade, a razão da existência da segurança pública”.

O aspirante-a-oficial Rafael Nabuco, 27 anos, disse que o conhecimento adquirido na academia vai servir para toda a vida. “A turma será remanejada para todo o estado, para companhias e batalhões, assumindo postos de comando. Faremos agora um estágio de um ano, alinhando o que se aprendeu com a prática. Eu me sinto realizado, sempre quis seguir a carreira militar. Estou feliz e satisfeito”.

Emocionada após receber a espada dos pais, a aspirante-a-oficial Michele Almeida, 32 anos, declarou que aquele momento representava uma conquista pessoal e profissional. “Entrei na corporação em 2003 como soldado e sentia a necessidade de ter este crescimento. Agora, quero fazer um bom trabalho e prestar um serviço de melhor qualidade para a sociedade”.

Para a mãe de Michele, Nilza Muniz, “é uma honra, um orgulho e um prazer formar uma filha. É uma conquista tanto para a Michele como para a família. É mais um degrau que ela está galgando na carreira”.

Na ocasião, a turma homenageou o patrono, professor-doutor Milton Santos, geógrafo brasileiro e um dos maiores pensadores da história da geografia no Brasil. Ele se destacou por escrever e abordar inúmeros temas, como a epistemologia da geografia, a globalização, o espaço urbano, dentre outros.

Com informações da Secom

Polícia Militar convoca candidatos a soldado do concurso de 2012

A Polícia Militar da Bahia divulga no Diário Oficial do Estado da Bahia, edição desta quarta-feira (13), a convocação dos candidatos aprovados para o Curso de Formação de Soldado – CFSD 2012.

Todas as orientações relativas à nova fase do certame constam no Diário Oficial. É importante que os candidatos fiquem atentos aos prazos constantes do documento.

Clique aqui e acesse o Diário Oficial do Estado.

Aposentados da Polícia Militar devem se recadastrar até final de agosto

Termina no dia 31 de agosto a quarta etapa de recadastramento anual de aposentados realizado pela Previdência Estadual (Suprev), ligada à Secretaria da Administração (Saeb). Ao todo, foram convocados 12,5 mil inativos da Polícia Militar para regularizar sua situação cadastral durante os meses de julho e agosto. A ação de recadastramento visa, além de atualizar os dados dos inativos, coibir fraudes e pagamentos irregulares. Desde 2007, o Estado já suspendeu 3.524 benefícios pagos de forma irregular, gerando uma economia de R$ 107,4 milhões aos cofres públicos.

Foram convocados 12,5 mil inativos da Polícia Militar para regularizar sua situação cadastral | Foto: Setur

Foram 12,5 mil inativos da Polícia Militar para regularizar sua situação cadastral | Foto: Setur

Os convocados devem comparecer a uma das 43 unidades do Centro de Atendimento Previdenciário (Ceprev), lotadas nos postos SAC e Pontos Cidadão, na sede da Previdência Estadual, no bairro de Brotas, ou ainda no SAC Servidor, que atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, no Multishop Boca do Rio.

Na capital, devido ao grande número de convocados, os aposentados foram convocados em dois grupos: durante o mês de julho, se recadastraram os inativos com iniciais de “A” a “J”. Os demais devem comparecer aos postos de recadastramento no mês de agosto. No interior do estado, o recadastramento pode ser feito independente das iniciais de cada nome.

Documentos
Para efetivar o recadastramento, os aposentados devem estar munidos dos seguintes documentos originais: carteira de identidade, CPF e comprovante de endereço, como contas de água, luz ou telefone. Caso o aposentado esteja acometido de doença grave, impossibilitado de se locomover ou ausente do domicílio, o recadastramento poderá ser realizado através de procuração por instrumento público ou mediante formulário de procuração, disponibilizado gratuitamente pela Suprev.

Ainda é necessário apresentar o atestado médico, para os dois primeiros casos, e um atestado de vida, para a última situação, declaração que pode ser concedida por uma autoridade pública, como médico ou delegado, confirmando que aquele servidor está vivo e reside no município informado.

Já os casos de falecimento deverão ser imediatamente comunicados pelos familiares do ex-servidor, mediante a apresentação da respectiva certidão de óbito em quaisquer das unidades Ceprev.

Agendamento
Desde o ano passado o recadastramento também é realizado com hora marcada. O agendamento pode ser feito para atendimento na sede da Previdência Estadual, no Brotascenter (3116-5437 / 3116-5440), e também nos Postos SAC do Shopping Paralela, Salvador Shopping, SAC Feira Centro II e Passeio Norte, em Lauro de Freitas (0800 071 5353 / 4020-5353).

Mais informações, como os endereços da Previdência Estadual na capital e no interior, além da lista de documentos exigidos e dos órgãos convocados, estão disponíveis no Portal do Servidor . O recadastramento é coordenado pela Saeb.

Com informações da SAEB

Recadastramento de aposentados da Polícia Militar começa nesta segunda (1)

Os 12,5 mil inativos da Polícia Militar têm até 31 de agosto para atualizarem seus dados cadastrais junto à Suprev.

Tem início nesta segunda-feira (1º) a quarta etapa de recadastramento de aposentados da Previdência Estadual (Suprev). Os 12,5 mil inativos da Polícia Militar têm até 31 de agosto para atualizarem seus dados cadastrais junto à Suprev, órgão ligado à Secretaria da Administração (Saeb). A ação de recadastramento visa, além de atualizar os dados dos inativos, coibir fraudes e pagamentos irregulares. Desde 2007, o Estado já suspendeu 3.524 benefícios pagos de forma irregular, gerando uma economia de R$ 107,4 milhões aos cofres públicos.

Os convocados devem comparecer a uma das 42 unidades do Centro de Atendimento Previdenciário (Ceprev), lotadas nos postos SAC e Pontos Cidadão, no Serviço de Atendimento aos Policiais Militares (SAPM), nos Barris, ou ainda na sede da Previdência Estadual, no bairro de Brotas.

Na capital, devido ao grande número de convocados, os aposentados serão convocados em dois grupos. No mês de julho, devem se recadastrar os inativos com iniciais de “A” a “J”. Os demais devem comparecer aos postos de recadastramento no mês de agosto. No interior do estado, o recadastramento pode ser feito independente das iniciais de cada nome.

Além das 42 unidades do Ceprev, equipes de atendimento itinerante da Suprev também estarão presentes em batalhões e companhias independentes da PM nos municípios de Cipó e Guanambi (5 a 7 de agosto), Euclides da Cunha e Macaúbas (8 e 9 de agosto), Paulo Afonso e Bom Jesus da Lapa (12 a 14 de agosto) e Seabra (15 e 16 de agosto).

Para efetivar o recadastramento, os aposentados devem estar munidos dos seguintes documentos originais: carteira de identidade, CPF e comprovante de endereço, como contas de água, luz ou telefone. Caso o aposentado esteja acometido de doença grave, impossibilitado de se locomover ou ausente do domicílio, o recadastramento poderá ser realizado através de procuração por instrumento público ou mediante formulário de procuração, disponibilizado gratuitamente pela Suprev. É necessário apresentar o atestado médico, para os dois primeiros casos, e um atestado de vida, para a última situação, declaração que pode ser concedida por uma autoridade pública, como médico ou delegado, confirmando que aquele servidor está vivo e reside no município informado.

Já os casos de falecimento deverão ser imediatamente comunicados pelos familiares do ex-servidor, mediante a apresentação da respectiva certidão de óbito em quaisquer das unidades Ceprev.

Agendamento
Desde o ano passado o recadastramento também é realizado com hora marcada. O agendamento pode ser feito para atendimento na sede da Previdência Estadual, no Brotascenter (3116-5437 / 3116-5440), e também nos Postos SAC do Shopping Paralela, Salvador Shopping, SAC Feira Centro II e Passeio Norte, em Lauro de Freitas (0800 071 5353 / 4020-5353).

Mais informações, como os endereços da Previdência Estadual na capital e no interior, além da lista de documentos exigidos e dos órgãos convocados, estão disponíveis no Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br). O recadastramento é coordenado pela Saeb.

Com informações da SAEB

SSP informa que PM continuará utilizando armamentos não-letais em protestos

Seguindo determinação de protocolos internacionais, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) informa que a Polícia Militar continuará utilizando os armamentos não-letais necessários para coibir atos de violência durante manifestações populares.

O órgão esclarece que tais armas somente são usadas com o objetivo de garantir a ordem pública, depois de esgotadas exaustivamente todas as tentativas de negociação, e apenas em situações de extrema necessidade. Acrescenta ainda que todos os excessos serão punidos.

Com informações da SECOM

Esquema de segurança pronto para Copa das Confederações

O esquema especial foi apresentado nesta terça (11) pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, na sede da secretaria, no CAB.

Secretaria de Segurança pública apresenta Plano para a Copa das Confederações | Foto: Raul Golinelli/GovBA

Secretaria de Segurança pública apresenta Plano para a Copa das Confederações | Foto: Raul Golinelli/GovBA

Mais de quatro mil profissionais da segurança pública vão garantir a tranquilidade de torcedores e turistas durante os jogos da Copa das Confederações, realizados em Salvador a partir do dia 20 deste mês, quando será realizado o jogo Nigéria x Uruguai. Para oferecer uma segurança ainda mais eficiente, os policiais vão contar com uma grande aliada: a tecnologia. O esquema especial foi apresentado nesta terça-feira (11) pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, na sede da secretaria, no CAB.

Barbosa explicou que, para apoiar o trabalho policial e de outros órgãos, foi montado, temporariamente no Parque Tecnológico, o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICC), que reunirá profissionais de instituições, como as policias federal, civil, militar, técnica e Rodoviária Federal, além da Transalvador, Defesa Civil e Samu.

O objetivo do CICC é fazer em tempo real monitoramento a longa distância, dando apoio aos policiais que estarão nas ruas. Além do monitoramento do Centro Integrado, haverá uma base móvel nos arredores da Arena Fonte Nova acompanhando as ações policiais. Já nos Campos Oficiais de Treinamento (Pituaçu e Barradão) serão usadas plataformas de observação elevada.

Para realizar os monitoramentos a longa distância foram posicionadas 215 câmeras em locais estratégicos, como no entorno da Arena Fonte Nova, aeroporto, rodoviária, rodovias estaduais e federais, portos e zona hoteleira. De acordo com o secretário Maurício Barbosa, as câmeras permanecerão espalhadas pela cidade após o evento esportivo, auxiliando a polícia na elucidação de crimes cometidos nas ruas.

“Todos os equipamentos de segurança que adquirimos para a Copa das Confederações e Copa do Mundo ficam como legado para a Bahia. Vamos fazer uso de todos após os eventos esportivos, melhorando ainda mais a segurança pública de Salvador”, afirmou.

Kit antibombas é uma das novidades do esquema
Uma das grandes novidades é o kit antibombas, composto por um robô, raio-X portátil, tenda de contenção, roupa de proteção e detector de gases tóxicos. O equipamento, além de facilitar o desarmamento de artefatos, oferece mais segurança aos policiais do esquadrão especializado na detecção de ameaças. Também foram adquiridos três imageadores (câmeras especiais utilizadas em helicópteros), a fim de identificar suspeitos e tumultos por policiamento aéreo.

Segundo Barbosa, as imagens captadas serão transmitidas em tempo real para o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICC) e para o centro móvel, otimizando o trabalho policial e reduzindo o tempo de resposta dos órgãos envolvidos. Todo esquema de segurança para a Copa das Confederações contou com investimentos de R$ 94 milhões dos governos federal e estadual.

Organização
No total, das forças de segurança pública, 2.305 são policiais militares, 695 bombeiros militares, 250 integrantes da Polícia Civil e 60 do Departamento da Polícia Técnica. Os profissionais ficarão no entorno da arena e dos campos de treinamento, locais de acesso das delegações, pontos turísticos, zona hoteleira e rodovias. O policiamento ostensivo nos demais pontos da cidade também está garantido.

“A Bahia está pronta para receber o evento esportivo. No planejamento realizado para a Copa das Confederações adaptamos a expertise dos nossos policiais ao protocolo da Fifa”, explicou o secretário Mauricio Barbosa. Os policiais escalados para trabalhar no esquema de segurança da Copa das Confederações receberam capacitação em áreas estratégicas de planejamento, metodologia, inteligência, investigação em crimes cibernéticos, enfrentamento à exploração sexual, curso de idiomas, salvamento e extinção de incêndio, policiamento turístico, segurança para grandes eventos.

Efetivo de 1.015 policiais civis vai atuar na Micareta de Feira

Nos quatro dias da Micareta de Feira de Santana, desta quinta a segunda-feira (25 e 29), 1.015 policiais civis, entre delegados, escrivães e investigadores, atuarão no esquema de policiamento. As equipes estarão no circuito Maneca Ferreira a partir da noite desta quarta (24), acompanhando a passagem de alguns trios elétricos que antecipam a abertura do evento. O trabalho conjunto envolve a Polícia Militar, o Departamento de Polícia Técnica (DPT), o Ministério Público e o Poder Judiciário.

Instalados nas imediações da Igreja dos Capuchinhos, na Rua Juracy Magalhães Júnior, na Rua Leão X, e na Rua Comandante Almiro, quatro Postos Policiais Integrados (PPIs) permitirão o registro de qualquer tipo de ocorrência, inclusive envolvendo custódia de presos.

Uma Central de Flagrante, instalada no Colégio Estadual de Feira de Santana, situado entre a Avenida Maria Quitéria e a Avenida Presidente Dutra, abrigará unidades das delegacias para o Adolescente Infrator (DAI), Especial de Atendimento à Mulher (Deam) e Especial de Área (DEA). Entre as diversas atribuições, a central se responsabilizará pelo registro de extravio de documentos.

Segundo o coordenador da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Feira), delegado Ricardo Esteves Brito Costa, o colégio estadual será ainda o ponto de encontro das equipes do Grupo Força Azul, que terão os integrantes, lotados em diferentes delegacias e departamentos da Polícia Civil, realizando atendimento imediato de ocorrências.

A central de estatística da Micareta 2013 também funcionará no colégio estadual, de onde as ocorrências da festa serão encaminhadas, em tempo real, para a Coordenação de Documentação e Estatística Policial (Cdep) da Polícia Civil, em Salvador. No mesmo estabelecimento de ensino estará a Central de Informática, com seus técnicos podendo ser acionados para dar suporte aos equipamentos instalados no circuito.

Câmeras

A cobertura policial da Micareta contará com dez câmeras instaladas ao longo dos quatro quilômetros do circuito Maneca Ferreira. O centro de monitoramento dos equipamentos também funcionará no colégio estadual. A Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) manterá policiais à paisana nas ruas da cidade, averiguando e reprimindo situações de consumo e tráfico de drogas, num trabalho conjunto com o grupo Força Azul. Equipes do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) vão reforçar o policiamento da festa, no segundo município mais populoso da Bahia.

Com informações da SECOM