lista Archive

Divulgado resultado final do concurso da Sema

O resultado final e a homologação do concurso público da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) foi divulgado,  na última terça-feira (2), no Diário Oficial do Estado. A próxima fase será a convocação dos candidatos habilitados para realização dos exames pré-admissionais, sendo rigorosamente observada a ordem de classificação dos candidatos.

O certame organizado pelo Centro de Seleção de Promoção de Eventos (Cespe/Unb), teve suas provas aplicadas em janeiro deste ano, nas cidades de Salvador, Barreiras, Juazeiro e Vitória da Conquista. Participaram da seleção mais de 5,5 mil pessoas, que concorreram a 179 vagas oferecidas para os cargos de especialistas (139) e técnicos (40).

Confira o resultado 

Com informações da SEMA

Justiça cancela 1,3 milhão de títulos eleitorais por faltas injustificadas

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou o cancelamento de mais de 1,3 milhão de títulos. São de eleitores que não justificaram a ausência nas últimas três eleições. Segundo o TSE, apenas 10,27% dos eleitores faltosos procuraram regularizar a situação.

O prazo para justificar a ausência terminou no dia 25 de abril. Segundo o TSE, 1,5 milhão de eleitores estavam com a situação pendente e apenas 155,6 mil procuraram a Justiça Eleitoral.

O cancelamento do título pode impedir a retirada de passaporte ou carteira de identidade, o recebimento de salários de função ou emprego público e obtenção de certos tipos de empréstimos. Também complica a investidura e nomeação em cargo público e renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Quem perdeu o título deve procurar um cartório eleitoral para reativar o registro. O documento pode ter o mesmo número do cancelado. É necessário apresentar documento de identificação, comprovante de residência e preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral, além de pagar eventuais multas.

Com informações da Agência Brasil

Cerca de 1,3 milhão de eleitores podem ter títulos cancelados

Números divulgados pela Justiça Eleitoral indicam que 1,3 milhão de eleitores podem ter o título cancelado por não justificarem os votos nas últimas três eleições. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), apenas 8,5% dos eleitores faltosos procuraram os cartórios eleitorais para regularizar a situação.

O prazo final para justificar a ausência nas últimas três eleições terminou nesta quinta-feira (25). Segundo o TSE, 1,5 milhão de eleitores estavam com a situação pendente, mas apenas 128,9 mil procuraram a Justiça Eleitoral.

O cancelamento de títulos ocorrerá de 10 a 12 de maio e em 14 de maio serão divulgados os números consolidados e os nomes daqueles que deixarão de ter título porque não votaram, não justificaram a ausência nas três últimas eleições e não foram a um cartório eleitoral para regularizar sua situação dentro do prazo.

O cancelamento de título dificulta a retirada de passaporte ou carteira de identidade, o recebimento de salários de função ou emprego público e obtenção de certos tipos de empréstimos e inscrição. Também complica a investidura e nomeação em concurso público e renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Com informações da Agência Brasil

DETRAN divulga terceira lista de convocados para Escola Pública de Trânsito

O DETRAN divulgou a terceira lista de pré-selecionados para a Escola Pública de Trânsito. Confira aqui a terceira lista dos 1000 candidatos pré-selecionados convocados para fazer a entrega da documentação em Março de 2013. Os demais deverão aguardar a divulgação das novas listas.

eptran

Veja a documentação necessária aqui.

Período para apresentação: 04 a 31/03 de 2013.

Instituições de ensino convocam candidatos em lista de espera do ProUni

As instituições de ensino convocam nesta sexta-feira (8), em segunda chamada, os candidatos em lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni). Cabe ao estudante o acompanhamento da convocação diretamente com as instituições de ensino. Os candidatos terão desta sexta (8) a 13 de março para comprovar as informações. A perda do prazo ou a não comprovação dos dados implicará, automaticamente, a reprovação do candidato.

No site do programa estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudo. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimentos e de conclusão do ensino médio, entre outros.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de educação superior para cursos de graduação e sequenciais de formação específica. Para o primeiro semestre deste ano, foram oferecidas 162.329 bolsas. O balanço final do programa registrou 1.032.873 inscritos.

Tem direito à bolsa integral o candidato com renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa.

Com informações da Agência Brasil

ProUni convoca candidatos em lista de espera

As instituições de ensino convocam nesta quinta-feira (28) os candidatos em lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni). O resultado será divulgado na página do ProUni, por meio da central de atendimento – telefone 0800 616161 – e nas instituições que participam do programa. Os candidatos terão desta quinta (28) a 5 de março para comprovar as informações. A perda do prazo ou a não comprovação dos dados implicará, automaticamente, a reprovação do candidato.

No site do programa estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudo. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimentos e de conclusão do ensino médio, entre outros.

Aqueles que não forem pré-selecionados terão uma segunda chance no dia 8 de março, quando vai ocorrer a segunda chamada da lista de espera. Os convocados na segunda chamada devem comparecer aos locais indicados entre os dias 8 e 13 de março.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de educação superior para cursos de graduação e sequenciais de formação específica. Tem direito à bolsa integral o candidato com renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa.

Com informações da Agência Brasil

Secretaria da Educação inscreve até quinta (28) para projeto Viver Escola

No período de 4 a 27 de março, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia realizará o projeto Viver Escola, oferecendo atividades pedagógicas nas áreas de matemática, português, ciências da natureza, além de jogos e atividades lúdicas educacionais.

Podem participar os estudantes que concluíram o 5º ano (4ª série) na rede municipal de Salvador e que estão ingressando na rede estadual, este ano, no 6º ano do ensino fundamental (5ª série). A intenção é ajudá-los a se adaptar à fase de transição para a adolescência.

O projeto acontecerá em 62 escolas-polo distribuídas em diversos bairros de Salvador. A lista dos nomes e endereços das escolas-polo está disponível no Portal da Educação ou em qualquer escola da rede.

Com informações da SECOM

Convocados na segunda chamada do ProUni devem efetivar a matrícula até esta terça (19)

Os estudantes pré-selecionados na segunda chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até esta terça-feira (19), para apresentarem os documentos e providenciar a matrícula na instituição de ensino.

Os candidatos não selecionados nesta segunda chamada podem integrar a lista de espera do Programa. A adesão deve ser feita nos dias 24 ou 25 deste mês. A primeira convocação da lista de espera será divulgada no dia 28.

Para garantir a bolsa, os estudantes devem entregar os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição. No site do programa estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudos. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimentos, de conclusão do ensino médio, entre outros.

Tem direito à bolsa integral o candidato com renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa.

Com informações do Portal Brasil

Suspensão da venda de 225 planos de saúde passa a valer a partir desta segunda (14)

A partir desta segunda-feira (14), 225 planos de saúde administrados por 28 operadoras estão proibidos de ser comercializados em todo o Brasil. De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a decisão foi tomada em razão do descumprimento dos prazos máximos fixados para a marcação de consultas, exames e cirurgias.

A venda dos planos ficará suspensa até março, podendo ser prorrogada em caso de reincidência. Quem já é beneficiário dos planos suspensos não terá o atendimento prejudicado, uma vez que a suspensão consiste em impedir as operadoras de vender a novos segurados.

Desde dezembro de 2011, quando foi iniciado o monitoramento, 16 operadoras não vêm cumprindo, de forma reincidente, os critérios estabelecidos pelo governo e serão indicadas para a abertura de processo com o objetivo de corrigir as anormalidades. As outras 12 operadoras suspensas e não reincidentes deverão assinar um termo de compromisso visando à redução do número de reclamações.

Das 38 operadoras que tiveram planos suspensos em outubro do ano passado, 18 melhoraram os resultados e já podem voltar a comercializar um total de 45 planos de saúde. A lista completa de operadoras e planos de saúde suspensos pode ser acessada no site da ANS.

Com informações da Agência Brasil

Primeira chamada de aprovados no Sisu já pode ser consultada

O resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) já pode ser consultado na página do programa,  nas instituições participantes e na central de atendimento do Ministério da Educação (MEC), por meio do telefone 0800-616161. A consulta foi aberta inicialmente apenas pelo 0800, enquanto o sistema fazia o carregamento dos dados na internet.

Os convocados devem providenciar a matrícula entre os dias 18 e 22 deste mês. A segunda chamada será divulgada no próximo dia 28, com matrículas de 1º a 5 de fevereiro.

Ao todo, 1.949.958 inscritos disputaram as 129.319 vagas em 3.752 cursos. Na primeira edição deste ano do Sisu, participaram 101 instituições públicas de educação superior. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), houve um crescimento de 11% em relação ao ano passado, quando o sistema registrou 1.757.399 inscritos.

No caso de notas iguais, o desempate entre os candidatos obedece à seguinte ordem de critérios: maior nota obtida na redação; maior nota obtida na prova de linguagens, códigos e suas tecnologias; maior nota obtida na prova de matemática; maior nota obtida na prova de ciências da natureza; maior nota obtida na prova de ciências humanas.

Os estudantes que não forem selecionados nas duas primeiras convocações ainda terão mais uma chance. Os alunos podem aderir à lista de espera para concorrer às vagas remanescentes. Para isso, precisa manifestar, no site do programa, seu interesse, acessando o boletim do candidato e clicando no ícone que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu.

A participação na lista de espera somente poderá ser feita na primeira opção de vaga do candidato. O prazo de adesão vai de 28 deste mês a 8 de fevereiro. No dia 18 de fevereiro, ocorrerá a convocação, pelas instituições, dos candidatos em lista de espera.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou este mês a bolsa assistência estudantil. O valor de R$ 400 é uma das formas encontradas pelo governo para garantir a permanência dos alunos cotistas de baixa renda nas universidades federais. A medida está prevista para entrar em vigor em maio deste ano.

O benefício será concedido aos alunos de cursos com duração diária acima de cinco horas e ainda depende da aprovação do Orçamento no Congresso Nacional. Terão direito garantido à assistência os alunos aprovados no Sisu, por meio de cotas sociais, ou seja, estudantes com renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo.

Com informações da Agência Brasil