Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus ganha unidade de queimados

Será inaugurada nesta sexta-feira (10), às 16h, a unidade de queimados do Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ). A unidade, que antes funcionava na Santa Casa de Misericórdia de Cruz das Almas, foi transferida pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) para o HRSAJ porque, segundo a secretaria, o hospital oferece recursos médicos mais avançados, evitando a transferência de pacientes para o Hospital Geral do Estado (HGE).

A inauguração contará com a presença do secretário da Saúde do Estado, Jorge Solla, e diretores da unidade hospitalar, administrada pelo Instituto Fernando Figueira. A nova unidade para queimados vai contar com dez leitos, duas enfermarias, uma sala de isolamento, sala de cirurgia exclusiva equipada com banheira, uma sala de curativos sob sedação e um posto de enfermagem.

O HRSAJ foi inaugurado em dezembro de 2009, conta com 136 leitos distribuídos nas enfermarias de: pediatria (33 leitos), clínica cirúrgica (51 leitos) e clínica médica (36 leitos), psiquiatria (06 leitos) e UTI geral adulto (20 leitos). Dispõe de centro cirúrgico, Centro de Recuperação Pós-Anestésica (CRPA), Central de Material Esterilizado (CME), serviços de farmácia, lavanderia, almoxarifado, nutrição, manutenção geral e arquivo.

A unidade disponibiliza atendimento de urgência 24 horas por dia, atendendo as seguintes especialidades médicas: cirurgia geral, clínica médica, traumato-ortopedia e pediatria, Além do atendimento de urgência e a realização de cirurgias, a nova unidade oferecerá consultas ambulatoriais nas seguintes especialidades: anestesiologia, angiologia clínica e cirúrgica, cardiologia, cirurgia geral incluindo cirurgia ambulatorial (a ser realizada no Centro Cirúrgico), gastroenterologia clínica: consultas e procedimentos de diagnose; pediatria, pneumologia, ortopedia, geriatria, neurologia, urologia e cirurgia buco maxilar.

Os pacientes contam com apoio diagnóstico e terapêutico com a realização de eletrocardiograma; endoscopia digestiva alta e baixa; espirometria; fisioterapia; radiologia convencional e contrastada; tomografia computadorizada; ultrassonografia com Doppler. O hospital terá ainda o serviço de Internação Domiciliar.

Fonte: SECOM