Aneel faz pesquisa para saber opinião de usuários sobre a cobrança de energia elétrica

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deu início a uma pesquisa para saber a opinião dos consumidores de energia sobre possíveis aperfeiçoamentos na forma de cobrança da tarifa. As sugestões deverão subsidiar aprimoramentos na estrutura tarifária, no 4º Ciclo de Revisões Tarifárias Periódicas das distribuidoras de energia elétrica, marcado para 2015.

Quem participar da pesquisa deverá responder, por exemplo, se costuma comparar e analisar as informações da conta de luz e o consumo de cada mês, e se optaria por alternativas mais baratas ou por fontes mais limpas de energia, se pudesse escolher diretamente de qual fonte comprar energia elétrica.

Outro questionamento é sobre a tarifa branca, que poderá será adotada nos próximos anos para o consumidor de baixa tensão, na qual o custo da energia deverá variar de acordo com as horas do dia. A pesquisa questiona se o consumidor faria ou não a opção pela tarifa branca e quais as condições da mudança.

A Aneel também pergunta se o usuário escolheria outra opção de faturamento de energia elétrica, e qual seria a melhor alternativa: se a tarifa variasse de acordo com os dias, se tivesse uma assinatura básica e um valor por quilowatt-hora menor que o atual; se a tarifa aumentasse de acordo com a faixa de consumo ou se o usuário estaria disposto a pagar um valor a mais para ter uma melhor qualidade de energia.

A pesquisa pode ser respondida pelo site da Aneel. A duração é 30 dias. Segundo a agência, a pesquisa permitirá a manifestação de todos os consumidores, principalmente os residenciais, que nem sempre participam das audiências públicas promovidas pela agência.

Atualmente, 72,5 milhões de consumidores são atendidos em baixa tensão (residências e comércio) e 180 mil em média ou alta tensão (indústrias) no país.

Com informações da Agência Brasil